FNO e sindicatos oficializam filiação à CSB

Central tem como objetivo fortalecer a luta dos trabalhadores e os sindicatos da categoria

A Federação Nacional dos Odontologistas (FNO) se reuniu com o presidente da CSB, Antonio Neto, nesta quinta-feira (20), para oficializar a filiação da Federação e de 18 sindicatos da entidade à Central dos Sindicatos Brasileiros.

92a9b895-bcdf-4a59-bc4c-f39de0b00f9fSegundo a presidente da FNO e vice-presidente da CSB, Joana Batista Oliveira, a federação procurou a CSB por compactuarem com os mesmos princípios. “Nós queríamos uma central que fosse apartidária, que colocasse em primeiro lugar a luta dos trabalhadores, e foi isso que a Central dos Sindicatos Brasileiros nos ofereceu.  A CSB é nossa parceira na luta em defesa dos odontologistas e dos trabalhadores do SUS. A nossa perspectiva com essa filiação é ajudar Central a continuar a crescer, pois é uma entidade sindical que está na trilha e no caminho correto”, afirmou.

A dirigente também destacou o apoio da CSB na luta pela criação do piso nacional do SUS. “A CSB é a única central que nos últimos anos tem lutado pela saúde e direitos dos trabalhadores na área da saúde. A maioria das gestões públicas, quando precisam cortar orçamento, cortam no setor da saúde, mas nós, da Federação Nacional dos Odontologistas, junto com a CSB, vamos lutar para que não haja mais cortes nesta área que é tão sensível para sociedade e para os trabalhadores”, avaliou a dirigente.

De acordo com Antonio Neto, presidente da CSB, a Central recebe de braços abertos a Federação e os sindicatos. “As filiações destas entidades representam uma vitória importante para nós. A CSB é uma central sindical nacionalista, baseada nos princípios do trabalhismo de Getúlio Vargas. Nós defendemos a unicidade sindical, o fortalecimento dos sindicatos, a contribuição compulsória e a defesa da soberania nacional. Por todas essas razões, nós assumimos o compromisso de lutar junto com os odontologistas por melhores condições de trabalho para toda a categoria”, afirmou.

Fortalecer a base, avançar nas lutas, nas conquistas e nos direitos trabalhistas. Com estes objetivos, a CSB está aberta a novas filiações de entidades sindicais que reiterem estes princípios. Desde a sua fundação, a CSB é uma das centrais que mais crescem no Brasil. Em 2016, conquistou o reconhecimento do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) com o índice de representatividade sindical de 8,15%.

“Hoje temos mais de 660 sindicatos filiados. Estamos crescendo. Tenho um orgulho profundo da nossa luta. Nós temos uma pluralidade interna e capacidade de garantir espaço para todos os dirigentes sindicais. Por isso cada sindicato filiado representa uma peça importante para o crescimento da Central e o fortalecimento na luta pelos trabalhadores”, disse Neto.

Para o presidente, “estabelecer uma relação política permanente com os filiados da CSB, especialmente com estes novos filiados,” é prioridade da Entidade. “Acreditamos que nossa Central será muito fortalecida se aumentarmos o número de novos filiados, pois serão companheiros e companheiras que estarão juntos conosco na nossa luta e que nos ajudarão a defender os trabalhadores de ataques do capital”, reiterou.

Defesa dos odontologistas

Na quarta-feira (19), a CSB articulou o encontro dos dirigentes da FNO com o ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, para discutir a criação do piso nacional dos trabalhadores do Sistema Único de Saúde (SUS).

Entregue pela FNO a Michel Temer em junho – durante almoço oferecido pelo presidente a lideranças sindicais –, o projeto foi enviado ao Ministério do Trabalho, pela Presidência da República, para a criação de um grupo de estudos formado por integrantes da própria pasta do Trabalho e do Ministério da Saúde. O objetivo do grupo é analisar a viabilidade da proposta.

No encontro, Ronaldo Nogueira se comprometeu a dar prosseguimento à análise do projeto e trabalhar como mediador junto ao Ministério da Saúde para debater os termos da proposta. Além disso, o ministro do Trabalho se mostrou disposto a integrar a CSB, a FNO e os trabalhadores da saúde na discussão.

Fonte: http://csbbrasil.org.br/blog/2016/10/21/fno-e-sindicatos-oficializam-filiacao-a-csb-2/

Siga-nos e deixe seu Like:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *